MotoGP Martin da pole melhor aliado de Bagnaia “Pronto para a batalha”

0
1

Na luta pelo título de MotoGP, surge George Martin. O piloto da Pramac Ducati confirma-se como o rei da qualificação, característica já vista nas classes anteriores e que também se confirma na categoria rainha. Terceira pole consecutiva, que lhe valeu um empate com o seu ilustre compatriota Alex Crivillé. A última pole do ano em suas mãos também pode valer a última vitória? Se assim for, tudo seria ladeira abaixo para Pecco Bagnaia …

Martinho no ataque

É certamente uma das minas soltas no domingo. Jorge Martin tirou tudo no último minuto, zombando de seus adversários no grid. Pneus a serem avaliados, ainda existem algumas dúvidas em relação à corrida, mas o espanhol está definitivamente satisfeito em termos de ritmo. O ideal seria fazer uma boa largada e tentar escapar, mas Martin vê isso como difícil. “Somos muitos com um bom ritmo. Marquez, Miller, Zarco, Fabio, Pecco… Muitos estão prontos para a batalha.” No entanto, a vitória é o seu principal objectivo, o piloto da Pramac Ducati quer terminar a temporada da melhor forma possível.

O jogo de Bagnaia

Certamente não seria ruim para seu colega de marca e campeão mundial. Se alguém que não Quartararo vencer, Bagnaia também pode se dar ao luxo de cometer um erro e não terminar a corrida. Com 23 pontos de margem e a rival Yamaha em 2º ou pior, o Campeonato do Mundo ainda seria dele. Haverá ordens de equipe? “Eles não me disseram nada no momento, espero que não” Jorge Martin falou com o DAZN Espanha. “Não faria sentido parar, também porque a única maneira de ajudar Pecco é vencer a corrida. Eu ou qualquer outro motorista.” Exceto pelo atual campeão de MotoGP. A batalha está aberta.

58, a história ilustrada inspirada no lendário Marco Simoncelli, disponível na Amazon

Foto: Valter Magatti